domingo, 10 de outubro de 2010

E DILMA? NINGUÉM SABE, NINGUÉM VIU... NINGUÉM VIU?

Não sou daqueles que acha que a política, para ser qualificada, precisa ser feita de forma amena. Algumas vezes a polarização e o tensionamento de posições são o único caminho, devido à natureza das candidaturas colocadas. 

O que não é admissível, de forma alguma, é a mentira, a alimentação do ódio e o desrespeito à história dos oponentes e da própria população do país, histórias muitas vezes de muita dor e sofrimento.

Em seu primeiro programa de TV no segundo turno, Serra é mostrado na luta pelas Diretas Já. Antes disso, a narradora afirma: "Serra se opôs à ditadura e por isso precisou viver no exílio. E Dilma? Ninguém sabe, ninguém viu...".

Quando ouvi o programa de Serra, pela primeira vez nesta eleição eu senti repugnância por alguém. Quando ouço "Serra precisou viver no exílio. E Dilma? Ninguém sabe, ninguém viu...", lembro de tantos e tantas Dilmas que tombaram combatendo corajosamente a ditadura, enquanto Serra vivia em segurança e confortavelmente no Chile, com uma bela mesada que recebia como asilado, pacientemente esperando que as centenas de Dilmas que desafiavam o regime conquistassem a abertura política no Brasil.

Não há demérito algum na opção de Serra em não confrontar diretamente o regime e optar pelo asilo. O que é profundamente desrespeitoso em Serra é perguntar onde estava Dilma nesse período. Dilma optou em permanecer em solo brasileiro, confrontando diretamente o regime. Enquanto Serra casava e tinha duas filhas no Chile, no conforto de sua nova vida, Dilma era torturada das piores maneiras possíveis nos porões e masmorras da ditadura militar. Dilma niguém sabe, ninguém viu, porque estava amarrada, amordaçada, levando todo tipo de choque, pancada, tortura física e mental.

Serra estava no exílio. E Dilma? Ninguém sabe, ninguém viu... E os milhares de estudantes que desapareceram misteriosamente por contestar o regime? Ninguém sabe, ninguém viu... E as milhares de mães que por anos percorreram todas as delegacias e órgãos da repressão atrás de seus filhos e que até hoje esperam por seus corpos ou pelo menos informação de seus destinos? Ninguém sabe, ninguém viu... E os torturados, mutilados, enloquecidos, esquecidos, desaparecidos, engolidos pela tirania, violência e barbárie do regime militar? Estes, ninguém sabe ninguém viu... Mas José Serra estava no exílio... Este, segundo ele mesmo, foi quem combateu a ditadura... 

Serra voltou ao Brasil durante as Diretas Já, quando o regime estava enfraquecido, já não oferecia grandes riscos e a abertura total e o retorno da democracia era algo já irrevogável. Serra voltou ao Brasil para aparecer nas "fotos da vitória". Mas os verdadeiros anos de chumbo foram combatidos por milhares de Dilmas, muitos inclusive, que jamais viram chegar o momento das "fotos da vitória", sequer tiveram a oportunidade de dizer adeus às suas famílias, ou a chance de construir uma família. Esses são aqueles que ninguém sabe, ninguém viu...

Serra não consegue sequer respeitar a história do Brasil em seu período mais doloroso, respeitará o que, como presidente do Brasil?

E fora isso tudo, fora a falta de respeito, fora as mentiras, fora a deformação da história, fora toda a difamação contra Dilma, o que mesmo Serra apresenta como políticas que realmente façam o Brasil avançar mais e melhor do que com Lula e Dilma? Isso sim, ninguém sabe, ninguém viu...

4 comentários:

cao@dino disse...

não haveria demérito se o cachorro safado não tivesse feito um discurso para provocar a caça as bruxas, e não tivesse fugido com o rabo no meio das pernas e deixado os companheiros sendo presos,torturados e mortos pela ditadura.é muito difícil adjetivar o coiso,ele consegue ser mais sujo e rasteiro que rastro de cobra.esse fdp não vale o que come,ele rouba,trai,comete as maiores baixarias e posa de santinho jogando a culpa nos outros.se houver a tal de justiça divina eu não queria estar na pele dele.porque seu destino será trágico.vade retro coiso ruim.cruz credo...

10 de outubro de 2010 20:31
ESCOLHA UMA OPÇÃO E DIVIDA A INFORMAÇÃO. "OBRIGADA" disse...

nota 10------------------DILMA É CORAGEM-SERRA É E SEMPRE SERÁ UM COVARDE!!!!!!!!ELE PARECE AQUELE COMANDANTE DO TITANIC, QUERIA TANTO APARECER QUE AFUNDOU O TITANIC MANDANDO ACELERAR E NÃO DEU TEMPO DE VER O TAMANHO DO GELO NO DRINK!! E NA HORA DE POUCOS BOTES! ELE TINHA QUE AFUNDAR COMO TODO MARINHEIRO. MAS COMO AQUELE SAFADO NO TITANIC, SERRA FOI PARA O CHILE VIVER, E A DILMA DESTEMIDA E DETERMINADA FOI A LUTA! SE TEMOS DO QUE NOS ORGULHAR É DE GENTE QUE NA JUVENTUDE ENFRENTA DE CARA LIMPA OS COVARDES DA DITADURA! SEJA QUEM FOR , MERECE NOSSO CRÉDITO! SERRA CALA BOCA! SE DILMA NÃO FOSSE CAPACITADA LULA NÃO TERIA SUCESSOR!

10 de outubro de 2010 21:45
Anônimo disse...

Não sou defensor do Serra, muito menos acusador. Porém dizer que Dilma é mais e melhor porque enfrentou a ditadura atraves da luta armada é radicalizar num momento inoportuno. Além do mais, é menosprezar todos os exilados. Eis uma lista com alguns nomes:

* Betinho
* Leonel Brizola
* José Dirceu
* Fernando Gabeira
* João Goulart
* Luís Carlos Prestes
* José Serra
* Nara Leão
* Raul Seixas
* Chico Buarque de Holanda
* Caetano Veloso
* Gilberto Gil
* Sérgio Ferro
* Oscar Niemeyer
* João Batista Vilanova Artigas
* Paulo Freire


Então, dizer que Serra foi 'covarde' ou beneficiado com o exílio é jogar na mesma lama os citados acima: concordam?
É momento de decisão por idéias e projetos, pois decidir o voto pelo simples fato de alguém ter sido um exilado ou ter pego em armas e lutado contra a ditadura (???) é tornar-se pequeno diante da verdadeira cidadania, que nasce das nossas perspectivas. E para finalizar: onde estava José Sarney, Collor de Mello, Michel Temer na revolução de 64. Aliás, Michel Temer iniciou a carreira política no gabinete do governador de São Paulo Ademar de Barros, aquele mesmo que apoiou a revolução de 64 (marcha pela família, etc..) e foi exilado por denúncias de corrupção. Onde estava Michel Temer durante a 'ditadura'? Ao lado de Dilma?
Entao, por favor: mais consciência, menos extremismos...

Abraços e consciência

Portalete

12 de outubro de 2010 17:23
Anônimo disse...

Eu votei no Plínio no primeiro turno e pretendia anular no segundo. Porém, ao ver essa propaganda do Serra na TV, eu imediatamente decidi votar na Dilma. Minha vontade era a de sair na mão com os vagabundos que escreveram e com a puta que narrou. Isso não é trabalho. Não vi mais nenhum debate e nem li mais nenhum artigo sobre as eleições, meu voto foi decidido ali, naquela cara de pau dos tucanos.

28 de outubro de 2010 19:05

Postar um comentário